Hoje, 09 de dezembro de 2019

Mensagem do Senhor Presidente da República – Data Magna Marinha.

   Extrato do BOLETIM DE ORDENS E NOTÍCIAS Nº 479 de 10 de junho de 2019 da  MARINHA DO BRASIL.

   COMANDANTE DA MARINHA BRASÍLIA,

DF. Em 11 de junho de 2019.

   Assunto: Mensagem do Senhor Presidente da República por ocasião da comemoração do 154º Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo, Data Magna Marinha.

   Nesta data solene, celebramos o 154º Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo, evento decisivo para a vitória na Guerra da Tríplice Aliança. As glórias militares do passado, sempre associadas à defesa da soberania nacional e integridade territorial, permitem uma melhor compreensão de quem realmente somos e nos oferece a convicção da nossa capacidade de superar desafios na busca de um futuro promissor. Nesse contexto, a cada ano, com grande satisfação, trazemos à mente um dos mais admiráveis fatos da história nacional.

   Reverenciar a Data Magna da Marinha é homenagear os homens e as mulheres da Força Naval, heróis de sempre, que se dedicam ao serviço da Pátria no mar e em águas interiores. Naquela ocasião, valorosos brasileiros não temeram por suas vidas ao defender o invicto pavilhão auriverde. Nomes como o do Almirante Barroso, do Guarda-Marinha Greenhalgh e do Marinheiro Marcílio Dias ecoam em nossa história como símbolos de patriotismo.

   A decisiva contribuição da Marinha para o desfecho exitoso daquela campanha foi apenas o prelúdio de sua ativa participação na trajetória do nosso País. Hoje, a Marinha continua a contribuir para a defesa dos interesses do Brasil diante de múltiplas ameaças.

   A leste, nossa Força Naval zela por mais de 5.7 milhões km² de Amazônia Azul, iniciada no governo do Marechal Emílio Garrastazu Médici, em 1970, área no mar equivalente a 67% do território brasileiro, garantindo a segurança do trânsito de 95% do nosso comércio exterior, da obtenção de 95% do petróleo e 80% do gás gerado no nosso País. Atua protegendo, também, nossas águas da pesca ilegal e de atos de pirataria, além de agir em coordenação com outros órgãos para a preservação do meio ambiente.

   No oeste, vemos ainda a Marinha atuando nos mais de 22.000km de vias navegáveis nas nossas bacias hidrográficas, levando assistência médica aos longínquos rincões do Pantanal e Amazônia, contribuindo para a proteção das nossas fronteiras, no combate à poluição dos nossos rios e na preservação das nossas Florestas. A Marinha está onde poucos conseguem chegar e, assim, leva além das cores da nossa bandeira, a esperança para os mais necessitados.

   Ao sul, no continente antártico, a Força Naval está presente, desde 1982, contribuindo para as pesquisas científicas e garantindo nossa presença nos fóruns internacionais que tratam sobre aquela importante região do planeta. Em janeiro próximo, será inaugurada a nova Estação Antártica Comandante Ferraz, motivo de orgulho para todos os brasileiros.

   A contribuição para o desenvolvimento nacional é uma das tarefas da Força Naval. O Programa Nuclear da Marinha e o Programa de Desenvolvimento de Submarinos avançam e trazem grandes conquistas. O Submarino Riachuelo, lançado ao mar em dezembro do ano passado, está realizando testes de aceitação, e, de acordo com o cronograma atual, um novo submarino será lançado ao mar, anualmente, até 2022, culminando em um futuro próximo com o Submarino com Propulsão Nuclear, necessário para a garantia da nossa soberania no mar. Devemos ainda ressaltar, que o arrasto tecnológico ocasionado por estes Programas irá afetar a vida de muitos, criando empregos e propiciando o desenvolvimento de diversos setores da nossa economia.

   A construção dos Navios da Classe Tamandaré, a ser realizada em nosso País, também é digna de ser celebrada. A indispensável construção do núcleo do poder naval continua navegando em rumos seguros. Esses navios, além de fortalecer nossa capacidade de fiscalização da Amazônia Azul, irão envolver inicialmente mais de 50 empresas nacionais neste projeto, contribuindo, também, para o crescimento econômico e social do País.

   No cenário internacional, como um dos vetores de nossa política externa, a Marinha ostenta nosso pavilhão. Suas atuações dignificam nosso Povo e colocam nosso País em um patamar de excelência, reconhecido mundialmente. A atual participação na Força Interina das Nações Unidas no Líbano, na qual lideramos o componente Marítimo, corrobora o alto grau de confiança depositado em nossos marinheiros.

   Na era do conhecimento, os avanços científicos e tecnológicos condicionam o grau de prosperidade das nações e o bem-estar de suas sociedades. A Marinha vem contribuindo, também neste setor, acompanhando as especificidades do tempo em que vivemos, valorizando o seu capital humano, no qual tem investido continuamente para sua capacitação, adotando critérios que privilegia, sobretudo, o mérito.

   Por fim, como Grão-Mestre, parabenizo todos aqueles que foram, por indicação da Marinha do Brasil, admitidos ou promovidos na Ordem do Mérito Naval. A distinção com a mais alta comenda da Marinha de Tamandaré é motivo de honra para todos os agraciados.

 Assim, por dever de justiça, apresento meus cumprimentos à Marinha do Brasil, incentivando a todos os marinheiros, fuzileiros e funcionários civis, nossos heróis de sempre, a continuarem cultuando os exemplos de Riachuelo, superando as adversidades e convergindo esforços para a manutenção da paz, bem-estar e liberdade do nosso povo.

 Viva a Marinha! Viva o Brasil!

JAIR MESSIAS BOLSONARO

Presidente da República Federativa do Brasil

Postado por 

Comentários fechado.

Publicações


Outros Links

Regionais


Secretaria da AVCFN

Telefones para contato:
(21) 99076-6701
(21) 99076-6585

Email:
gerente@avcfn.com.br

Fale conosco da AVCFN

faleconosco@avcfn.com.br

Pesquisar